Vodafone Paredes de Coura: quase que tivemos um momento Nickelback no Ermal com Skepta, mas o rapper britânico deu a volta


Vodafone Paredes de Coura: quase que tivemos um momento Nickelback no Ermal com Skepta, mas o rapper britânico deu a volta

O concerto começou da pior maneira possível. Com o arremesso de camisolas e de lanternas (que tinham sido providenciadas pela organização aos campistas), Skepta ameaçou deixar o palco se não cessassem os arremessos.

A música voltou a ser o foco até que, pouco tempo depois, vendo que a situação não se tinha alterado, o rapper natural de Londres e o seu DJ abandonaram mesmo o palco, tendo de vir um membro da organização acalmar os ânimos e pedir ao público presente que parassem com o arremesso de objetos. Com o regresso do artista e sobre cânticos de "Skepta", o concerto recomeçou, com hits como "That's Not Me" e o gigantesco "Shutdown". No entanto, depois de apenas uma hora de concerto o rapper abandonou o palco para não mais regressar.

Muito se tem falado da presença de rap em Paredes de Coura. Não é o estilo musical que associamos ao festival, ainda para mais a fechar a noite. No entanto, penso que limites se excederam e uma minoria de pessoas arruinou um bom espetáculo para o resto do público.

Equipa Noite e Música Magazine no Vodafone Paredes de Coura
Fotografia: Óscar Fernandes
Textos: Xavier Gonçalves
Edição: Nelson Tiago