Slowdive no Vodafone Paredes de Coura: os progenitores do "shoegaze" trouxeram o que de melhor o género tem para oferecer


Slowdive no Vodafone Paredes de Coura: os progenitores do "shoegaze" trouxeram o que de melhor o género tem para oferecer

Os Slowdive não são novos nestas andanças. Formados em 1989 e com uma interrupção de mais de uma década, a banda que serviu de base para alguns dos grandes nomes do panorama musical atual mostrou a sua serenidade e capacidade num concerto moderado.

Quem vinha ver Slowdive sabia exatamente ao que vinha, e a banda britânica não desiludiu. Misturando novos temas como "No Longer Making Time" e "Star Roving" com clássicos como "Catch The Breeze" e "Alison", as suas letras refletivas e cheias de sentimento deixaram o público presente no recinto num estado de espírito diferente do habitual. Não houveram as moches e os saltos efusivos, mas sim uma contemplação sobre o que a própria música queria dizer.

Sem nenhuma surpresa, os Slowdive entretiveram a audiência e voltaram a revelar que só por serem os mais antigos no género, não quer dizer que não possam ensinar ainda o resto.

Equipa Noite e Música Magazine no Vodafone Paredes de Coura
Fotografia: Óscar Fernandes
Textos: Xavier Gonçalves
Edição: Nelson Tiago