Marlon Williams no Vodafone Paredes de Coura: escuridão e reflexão ao pôr do sol


Marlon Williams no Vodafone Paredes de Coura: escuridão e reflexão ao pôr do sol

O neo-zelandês Marlon Williams visitou pela primeira vez Portugal e mostrou-se ao seu melhor em Paredes de Coura. Vestido à Johnny Cash, completamente de negro, trouxe as suas letras negras e refletivas para o Palco Vodafone.

Com um concerto centrado à volta do seu novo álbum, Make Way For Love inspirado numa relação que acabou da pior maneira, músicas como "What's Chasing You" e "Love is a Terrible Thing" mostraram o lado negro que todas as relações possuem, enquanto "Party Boy" animou o público mantendo ao mesmo tempo a toada de solidão e perda. No entanto, não se limitou a tocar músicas do seu novo disco. De nota fica a incrivelmente deprimente "Dark Child", que trouxe um ar de ainda maior escuridão ao concerto, ajudado pelo pôr do sol.

No final do concerto, o "kiwi" agradeceu ao público presente e afirmou que não poderia ter escolhido melhor local para se estrear no nosso país do que em Coura, ficando a promessa no ar de um eventual regresso.

Equipa Noite e Música Magazine no Vodafone Paredes de Coura
Fotografia: Óscar Fernandes
Textos: Xavier Gonçalves
Edição: Nelson Tiago