The Legendary Tigerman no Super Bock Super Rock: o 'Misfit' pregou às moscas do deserto!


The Legendary Tigerman no Super Bock Super Rock: o 'Misfit' pregou às moscas do deserto!

O rocker português The Legendary Tigerman já tinha anunciado um concerto especialíssimo para esta noite, com o desvendar na totalidade, do seu novo álbum Misfit a lançar em janeiro do próximo ano. No Spotify até já estavam excertos de todas as canções com uma pequena explicação. O que Tigerman não deveria contar era o total desinteresse dos fãs de RHCP, que não trocaram a oportunidade de estar 2 metros mais à frente, na MEO Arena para o concerto dos RHCP que começava 10 minutos depois, por um grande concerto de rock’n’roll. Resultado: o concerto já começou poucas pessoas e terminou com pouquíssimas dezenas que iam fugindo aos poucos para o palco principal.

Azar ou má programação, o que é verdade é que já tinha acontecido com os GNR no ano passado, colocados num dia de hip hop e antes do headliner Kendrick Lamar.

Enfim, para os poucos que ficaram, Tigerman deu uma lição do que é rock'n'roll. Parece definitivamente ter largado o formato one man band e fez-se acompanhar com o já habitual Paul Segadães na bateria, o baixista Filipe Rocha e uma peça que se revelou importantíssima neste álbum, o saxofonista João Cabrita.

O disco foi gravado no Rancho de La Luna de Dave Catching (guitarrista dos Eagles of Death Metal) e escrito on the road nas filmagens do filme "How to Become Nothing" que irá acompanhar o disco. A sonoridade das canções apresentadas no concerto transpira as influências do chamado rock do deserto que já serviu de inspiração para bandas como os Queens of the Stone Age, Sparta ou Artic Monkeys. A marca forte do saxofone barítono de João Cabrita transporta-nos também para a extinta banda Morphine. Auto harpas e viagens aos anos 50 foram ainda ambientes que sentidos durante o concerto. No fim ainda houve tempo para uma longuíssima "21st Century Rock'n'roll" do álbum anterior True.

Equipa Noite e Música Magazine no Super Bock Super Rock
Fotografia: Rui Jorge Oliveira
Textos: Miguel Lopes
Social Feed: Maria Roldão
Edição: Nelson Tiago


,