Nicolas Jaar no NOS Primavera Sound: um final de noite que demorou a começar


Nicolas Jaar no NOS Primavera Sound: um final de noite que demorou a começar

O encerramento do Palco NOS no segundo dia do NOS Primavera Sound ficou a cargo de Nicolas Jaar. O jovem de apenas 27 anos chegou ao palco com a luz da lua cheia, que nunca deixou o recinto escurecer, e fechou a noite com o seu house eletrónico.

À uma da manhã em ponto, o jovem americano toma a rédeas da mesa de mistura e começa lentamente a soltar as batidas que preparou para o Primavera. Tão lentamente que perdemos a noção se já estaríamos a ver o concerto ou se seria um sound check.

Com muita calma e com um cenário em palco que recorria muitas vezes a padrões aparentemente sem nexo, Nicolas Jaar deu música ao público e ao mesmo tempo embalou quem estava estendido nas clássicas toalhas amarelas.

Como é possível animar e embalar ao mesmo tempo? Não sabemos, mas sabemos que o americano o soube fazer. Até ao fim o registo não mudou muito. O que foi mudando foram as luzes, as projeções e até uma barra gigante que se encontrava suspensa no palco. Acabam assim os concertos no principal palco do festival neste segundo dia.

Equipa Noite e Música Magazine no NOS Primavera Sound
Fotos: Júlia Oliveira
Textos e Social Feed: Daniela Fonseca
Edição: Nelson Tiago e António Teixeira


,