Maria Bethânia ao vivo no Coliseu do Porto [fotos + texto]


Maria Bethânia ao vivo no Coliseu do Porto [fotos + texto]

Maria Bethânia enche o Coliseu do Porto entre aplausos de pé e o melhor de uma carreira de 50 anos recheados de êxitos de uma grande intérprete como ela própria se autodescreve.

Aos 68 anos a cantora baiana que é um ícone incomparável da música popular brasileira no feminino, cantou e encantou num concerto com cerca de duas horas na cidade invicta, numa casa que tanto já acolheu as suas lindas músicas e que mais uma vez recebe esta estrela de luz irradiante!

Como sempre, descalça em palco e acompanhada por sete músicos, entre canções inesquecíveis e poemas declamados, coroam "Abraçar e Receber" onde a lista se apresenta com o tema "O Eterno em Mim", seguindo-se êxitos como "A Tua Presença Morena" e "Nossos Momentos". A plateia claramente que estava envolvida naquela energia de tanta gratidão e amor que só Bethânia sabe transmitir, onde transporta um pedaço do seu lindo Brasil e da sua amada Bahia, onde nasceu.

As luzes que iluminavam o chão do palco tornavam o cenário mais envolvente, quando este se colora de rosas vermelhas que sustentam o ícone para ouvirmos temas como "Alegria" e "Você Não Sabe". O público abanava a cabeça e seguia os ritmos românticos inspiradores, muitas vezes trauteando os sues êxitos. A audiência presente preenchia a sala com todas as faixas etárias e até famílias que se uniram a esta linda homenagem.

Seguia-se a atuação com "Povos do Brasil" e "Viver na Fazenda", temas que elucidam bem a realidade do Brasil do que foi e do que ainda é, do seu povo que tem uma herança cultural única e do dia a dia numa singela e humilde fazenda, com um olhar sobre a simplicidade dos rios, do céu e dos caminhos trilhados pela terra.

Bethânia, transmitindo a lição de que não nos devemos arrepender de nada nesta vida, interpreta um clássico de Edith Piaf – "Non, J ene Regrette Rien". Terminada a primeira parte, Bethânia abandona o palco mas estava prestes a suceder um encore cheio de emoção, sucedendo mais dois. Ouvem-se aplausos entusiasmados e a cantora agradece carinhosamente: "Obrigada, estou muito feliz!"

"Explode Coração" foi o tema que finalizou a sua passagem pelo Porto numa noite inesquecível.

Aos 68 anos pode-se dizer que nunca é de mais sentir o calor brasileiro desta artista completa, de repertório sem igual e amada certamente por Portugal!

Fotos: António Teixeira
Texto: Rita Costa


,