Linda Martini ao vivo no Coliseu de Lisboa [fotogaleria + texto]


Linda Martini ao vivo no Coliseu de Lisboa [fotogaleria + texto]

Banda portuguesa apresentou o seu novo trabalho de originais no Coliseu de Lisboa. Vê as imagens do concerto e sabe como correu o esperado concerto de André Henriques, Cláudia Guerreiro, Hélio Morais e Pedro Geraldes.

Chegou finalmente o dia que muita gente esperava. Os Linda Martini apresentam o novo álbum Sirumba, 3 anos depois do lançamento do seu último projeto.

Com o Coliseu de Lisboa muito bem composto (quase cheio), o público ansioso esperava pelo concerto e, com cerca de meia hora de atraso, deu-se início ao espetáculo. Foi com o tema "Não quero ser doutor" que se deu o mote para uma noite épica.

As expectativas eram naturalmente muito altas, resultado de mais de uma década de boa música e grandes atuações. A banda correspondeu ao seu estilo e deu um espetáculo memorável!

Com uma energia inesgotável e uma mistura entre as faixas mais clássicas como "Juventude Sónica" ou "100 Metros Sereia" e os temas do novo álbum, juntaram-se todos os ingredientes necessários para cozinhar um grande espetáculo. Sempre muito comunicativos, várias vezes contaram histórias ou agradeceram a presença de toda a gente, por exemplo, quando André Henriques disse: "Até ao final, estive a tremer com medo que não aparecessem, mas vocês vieram e está a ser bonito! Obrigado!".

E se a banda não desiludiu, temos obrigatoriamente de fazer uma referência à atitude do público, que foi a cereja no topo do bolo. Incansável, puxou pela banda e fez o seu papel de maneira exemplar, acompanhando o quarteto durante toda a noite e na grande maioria das músicas. Uma sintonia entre banda e público que só está ao alcance dos grandes!

Sem dúvida nenhuma que valeu a pena a espera por este álbum. Com algumas faixas num registo diferente do habitual, a identidade e a qualidade estão sempre lá.

Para acabar a noite, os Linda Martini soltaram o tema "100 Anos Sereia" que deixou toda a gente em êxtase e sem vontade de ir embora. E depois de um concerto destes, só havia um desfecho possível: o Coliseu de pé a gritar "Linda! Linda! Linda!" Muito bom!

Fotos: Carlos Valadas
Texto: Miguel Correia Gouveia


,