Vitorino celebra 40 anos de canções no São Luiz


Vitorino celebra 40 anos de canções no São Luiz

Músico português apresenta "Não sei do que é que se trata, mas não concordo" no Teatro São Luiz, em Lisboa.

Vitorino celebra 40 anos de carreira a solo com um concerto no dia 18 de novembro no São Luiz Teatro Municipal, em Lisboa. A data assinala o início das comemorações dos 40 anos de Vitorino, que se estenderão durante o ano de 2017 com uma digressão pelo país.

O espetáculo "Não sei do que é que se trata, mas não concordo", que irá ser apresentado ao grande público pela primeira vez no palco do São Luiz, é lançado no ano em que Vitorino comemora os 40 anos da edição do seu primeiro disco. O concerto tem como título o nome do seu novo disco de originais, a lançar durante o ano de 2017.

O concerto contará com as participações de Manuel João Vieira (Enapá 2000 e Irmãos Catita), Camponeses de Pias e alguns membros do projeto Rio Grande.

Os bilhetes já estão à venda nos locais habituais e custam entre €9 e €17.

O músico português deixa o convite aos seus fãs: "Tanto o meu convidado como eu, temos sido frequentadores regulares deste bairro vivo e agitado que envolve o Teatro São Luiz – o Chiado. E este concerto faz parte dessa narrativa que não pára. O Manuel João Vieira é um artista completo. Os Camponeses de Pias cantam modas Alentejanas há décadas. E bem! Assim entra por Lisboa um pedaço do mundo rural vindo do Sul. E eu, lembro com canções o que vivi nestes últimos quarenta e tal anos. O nome do concerto é uma homenagem a um carpinteiro nascido no Redondo que interrompia as assembleias gerais do Redondense Futebol Clube com a sentença que dá título ao concerto. A última vez que o vi convidou-me para um copo de vinho e desapareceu numa rua do Bairro Alto. Chamava-se Zé Embirra".


,